Sobe para seis o número de corpos encontrados no lago Paranoá após naufrágio

Corpo de mais um homem foi encontrado a 150 metros de distância do barco Imagination

acidente paranoa 5 ae HG 20110523 300x225 Sobe para seis o número de corpos encontrados  no lago Paranoá após naufrágioO Corpo de Bombeiros de Brasília encontrou, por volta das 9h desta terça-feira (24), o corpo de mais uma vítima de naufrágio no lago Paranoá. Segundo a major Vanessa Signale, trata-se de homem, ainda não identificado. A vítima estava a cerca de 150 metros de distância do barco que afundou na noite de domingo (22).

O corpo de outra vítima também do sexo masculino foi encontrado na manhã desta terça-feira. Ainda não se sabe qual é a sua identidade.

Com esses corpos, subiu para seis o número de mortos até o momento no acidente. Na tarde de segunda-feira (23), duas outras vítimas foram encontradas: Ester Araujo de Oliveira, de dez anos, únicas criança que estava desaparecida, e Vicente Carneiro de Souza Neto, de 36 anos, que estaria na cozinha no momento em que o barco foi a pique.

Além deles, Flávia Pereira de 22 anos e um bebê de sete meses também morreram. Todos os corpos resgatados foram levados para o IML (Instituto Médico Legal), onde as famílias farão o reconhecimento oficial das vítimas.

As buscas por vítimas do acidente foram retomadas às 6h30 desta terça-feira, com a ajuda de técnicos do Rio de Janeiro. Segundo o Corpo de Bombeiros, entre quatro e cinco pessoas ainda estão desaparecidas. Há dúvida quando ao número de vítimas porque porque parentes deram dois nomes, sem sobrenome, que batem com nomes completos da lista de desaparecidos.

102 pessoas

De acordo com as últimas informações do Corpo de Bombeiros, 102 pessoas estavam a bordo da embarcação. Destas, 94 foram resgatas. Na noite do domingo, os bombeiros chegaram a dizer que a embarcação levava 104 passageiros.

Uma base de operações dos bombeiros foi montada no clube da Ascade (Associação dos Servidores da Câmara dos Deputados) para atender às vítimas. O delegado fluvial da Marinha do Distrito Federal, comandante Fabio Rogério Leite, disse que um inquérito administrativo foi aberto para investigar o acidente. Segundo o comandante, a embarcação – que estava regularizada – adernou pela popa, o que ajudou a afundar mais rápido.

Acidente

O acidente ocorreu por volta das 21h do último domingo (22). O barco Imagination foi construído em 1997. Na época foi batizado de Netuno e era usado para auxiliar veleiros que navegavam no Lago Paranoá. Em 1999 ele foi vendido e reformado pelo novo proprietário, deixando de ser uma embarcação de apoio e passando a ser um barco de festa.

Uma operação com três lanchas, 30 mergulhadores, 56 bombeiros e dois helicópteros fez a busca das vítimas durante toda a madrugada. Pelo menos 11 sobreviventes, dos 94 resgatados, nadaram sozinhos até a margem. Uma base de operações dos bombeiros foi montada no clube da Ascade (Associação dos Servidores da Câmara dos Deputados) para atender as vítimas. Dos resgatados, três foram encaminhados para o hospital, sem ferimentos graves.

O comandante Rogério Leite disse que um inquérito administrativo foi aberto para investigar o acidente. Prazo é de três meses e, após isso, será encaminhado ao tribunal marítimo. Segundo o comandante, a embarcação – que estava regularizada – adernou pela popa, o que ajudou a afundar mais rápido.

Curso para certificacao PMP na Trainning Education PMI 4 Edicao Treinamento Gerenciamento de Projetos PMP SAP

Loading...
Related Video

Tags:

 

About the author

More posts by admin

 

0 Comments

You can be the first one to leave a comment.

Leave a Comment