Pedidos de cidadania brasileira quadruplicam na Europa em apenas um ano

Europeus descendentes de brasileiros estão pedindo cada vez mais a cidadania brasileira, segundo levantamento feito  nos consulados do País em Portugal, Espanha e Grécia. Em 2011, ano em que a crise atingiu duramente a Europa, o número de registros de nascimento quadruplicou nesses países na comparação com o ano anterior.

Os registros de nascimento incluem tanto o cadastro de recém-nascidos e crianças (filhos de brasileiros que nasceram no exterior), quanto o de europeus com ascendência brasileira que entram com o pedido de cidadania já na idade adulta.

De acordo com dados do Itamaraty (Ministério de Relações Exteriores), que forneceu as informações de Portugal e Espanha, e dados do Consulado-Geral do Brasil em Atenas, na Grécia, o número de registros de nascimento nos três países saltou de 1.559, em 2010, para 6.320, no ano passado.

O ritmo continua acelerado em 2012, já que, até setembro, o número chegou a 5.437.

Em Portugal, onde os pedidos saltaram de 1.110 para 4.512 no período, estima-se que “30% dos nacionalizados sejam adultos”, segundo Yara E. Moita, responsável pelo departamento de registros do Consulado-Geral do Brasil em Lisboa.

— Eu acredito que seja por causa da crise, mesmo porque vêm as gerações [todas da família] se registrar. Primeiro vem a mãe, já com 70 anos, depois os filhos. Normalmente são eles que querem ir para o Brasil.

Loading...
Related Video
 

About the author

More posts by carol

 

0 Comments

You can be the first one to leave a comment.

Leave a Comment