Festival de documentários musicais exibe 58 filmes a partir de hoje; veja programação

Entender a paixão e a dedicação por uma arte como a música não é uma tarefa qualquer. O In-Edit, festival internacional de documentários musicais que começa nesta sexta-feira (3), em São Paulo, propõe-se a ajudar o espectador a se aprofundar nessa manifestação cultural.

Em seu quinto ano e com sessões em cinco salas da cidade –MIS, Cinemateca, CineSesc, Cine Olido e Matilha Cultural–, a mostra vai exibir 58 produções nacionais e estrangeiras que retratam músicos, movimentos, dançarinos e amantes do som.

As produções que compõem o festival abordam desde o processo de composição do brasileiro Jards Macalé, retratado em “Jards”, de Eryk Rocha, até a criação do primeiro festival de rock de Angola, em “Death Metal Angola”, de Jeremy Xido.

Longas premiados, como “Searching for Sugar Man”, de Malik Bendjelloul, que recebeu o Oscar de melhor documentário neste ano, e “A Film about Kids and Music – Sant Andreu Jazz Band”, de Ramon Tort, vencedor do In-Edit Barcelona, também integram a programação do festival.

A mostra fica em cartaz até o dia 12 de maio em São Paulo. Confira abaixo a programação da primeira semana do festival:

SEXTA, DIA 3

Cine Olido

15h: “Pernamcubanos”
Brasil, 2012. Direção: Nilton Pereira. 76 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
Documentário sobre as identidades culturais do Brasil e de Cuba, com ênfase na música e nas religiões de matriz africana da ilha e de Pernambuco, vistas pelos olhares de duas artistas.

17h: “Coração do Samba”
Brasil, 2012. Direção: Thereza Jessouroun. 72 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
Histórias sobre as conquistas, o amor do público e os grandes sambas da Escola Estação Primeira de Mangueira.

19h: Vai-Vai 80 Anos na Rua”
Brasil, 2012. Direção: Fernando Capuano. 110 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
A história da escola Vai-Vai se mistura com a história de São Paulo. E se converte em um dos pontos fundamentais para entender a maior cidade do Brasil.

*

Cinemateca Brasileira

18h30: “From the Steppes to the City”
Idem. Reino Unido, 2011. Direção: Tim Pearce, Sophie Lascelles e Marc Tiley. 97 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
Road movie com os membros da banda Anda Unido e suas interpretações modernas da música tradicional da Mongólia.

20h30: “Sunset Strip”
Idem. EUA, 2012. Direção: Hans Fjellestad. 99 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
O personagem principal deste documentário é uma avenida onde é possível cruzar com atores, diretores, produtores e músicos como Alice Cooper e Sofia Coppola.

*

CineSesc

19h: “Beats, Rhyme and Life – The Travels of a Tribe Called Quest”
Idem. EUA, 2011. Direção: Michael Rapaport. 93 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
Relato sobre uma das mais reconhecidas e festejadas bandas do hip-hop: A Tribe Called Quest.

21h: “Searching for Sugar Man”
Idem. Suécia/Reino Unido, 2012. Direção: Malik Bendjelloul. 86 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
Dois sul-africanos tentam descobrir o que aconteceu com o seu herói musical: um misterioso músico de rock dos anos 1970.

23h: “Reincarnated”
dem. EUA, 2012. Direção: Andy Capper. 96 min. Não recomendado para menores de 16 anos.
Snoop Dogg, famoso músico de hip-hop, muda seu nome para Snoop Lion, viaja para a Jamaica e produz seu primeiro disco de reggae. 23h

*

Matilha Cultural

19h: “Guerrilha Gerador”
Brasil, 2013. Direção: Danilo Sevali. 60 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
Músicos de Mogi das Cruzes e de Sorocaba se juntam para criar uma verdadeira ofensiva sonora e invadir a cena da música.

*

MIS

15h30: “Don’t Follow me (I’m Lost) – A Film about Bobby Bare Jr.”
Idem. EUA, 2012. Direção: Willian Miller. 90 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
O documentário retrata a vida de Bobby Bare Jr., filho de um astro da música country que decidiu seguir o seu próprio caminho.

17h30: “A Film about Kids and Music – Sant Andreu Jazz Band”
Idem. Espanha, 2012. Direção: Ramon Tort. 101 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
O filme retrata a Sant Andreu Jazz Band, uma jovem orquestra que reúne meninos e meninas entre seis e 18 anos em torno de um repertório de jazz.

20h: “Jason Becker – Not Dead Yet”
Idem. Reino Unido/EUA, 2012. Direção: Jesse Vile 87 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
Nos anos 1980, Jason Becker surgiu como um guitarrista promissor. Porém, em 1990, uma doença degenerativa o deixou mexendo apenas os olhos. Mas ele não desistiu da música.

-

SÁBADO, DIA 4

Cine Olido

15h: “Mission to Lars”
Idem. EUA/Reino Unido, 2012. Direção: Willian Spicer e James Moore. 74 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
A história de Tom Spicer, um jovem com um sério caso de autismo que trabalha numa recicladora de papel. Tom tem um sonho na vida: conhecer seu ídolo Lars Ulrich, baterista do Metallica.

17h: “Punk Síndrome”
Idem. Finlândia/Noruega/Suécia, 2012. Direção: Jukka Kärkkäinen e Jani-Petteri Passi. 85 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
O filme é ambientado em um manicômio na Finlândia, onde quatro doentes mentais com diagnósticos como autismo decidem formar uma banda de punk rock.

19h: “Planet Rock – The Story of Hip-Hop and the Crack Generation”
Idem. EUA, 2011. Direção: Richard Lowe e Martin Torgoff. 85 min. Não recomendado para menores de 16 anos.
Na narrativa feita pelo rapper Ice-T, o filme sobre hip-hop aborda o uso de drogas, da cocaína ao crack, que começa a destruir a comunidade negra.

*

Cinemateca Brasileira

16h30: “Lawrence of Belgravia”
Idem. Reino Unido, 2011. Direção: Paul Kelly. 87 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
Um retrato íntimo de Lawrence Hayward, membro das bandas de rock alternativo Denim e Felt.

18h30: “Gozaran – Time Passing”
Idem. Holanda, 2012. Direção: Frank Scheffer. 90 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
Em Teerã (Irã), maestro funda uma orquestra de música clássica ocidental. Nela estão até mesmo pessoas cuja paixão pela música era considerada proibida.

20h30: “Sing Your Song”
Idem. EUA, 2012. Direção: Susanne Rostock. 103 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
A história do músico Harry Belafonte, ativista pelos direitos civis dos negros nos EUA. O filme revela toda a humanidade por trás do intérprete de “The Banana Boat Song”.

*

CineSesc

19h: “Neil Young – Journeys”
Idem. EUA, 2011. Direção: Jonathan Demme. 87 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
O diretor volta a filmar seu amigo Neil Young. Eles visitam a cidade em que Young passou sua infância, Omemee, em Ontário.

21h: “Glastopia”
Idem. Reino Unido, 2012. Direção: Julien Temple. 76 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
O diretor mistura imagens de arquivo, filmes mudos e entrevistados inusitados para retratar o festival de Glastonbury (Inglaterra).

23h: “Shut up and Play the Hits”
Reino Unido, 2011. Direção: Dylan Southern e Will Lovelace. 108 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
Neste filme, acompanhamos a vida de James Murphy na semana que antecede o concerto de despedida da banda LCD Soundsystem.

*

Matilha Cultural

17h: “Viva Viva”
Brasil, 2012. Direção: Carolina Pfister. 100 min. Não recomendado para menores de 16 anos.
Neste filme, duas gerações de punks colocam frente a frente suas ideias, seus fanzines, suas revoltas e suas dificuldades.

19h: “Death Metal Angola”
EUA/Angola, 2012. Direção: Jeremy Xido. 83 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
Sonia Ferreira e Wilker Flores são um casal apaixonado por death metal, o que não seria novidade se eles não fossem donos de um orfanato em Angola, um país devastado por anos e anos de guerra civil. Os dois decidem montar o primeiro festival de rock da história do país.

*

MIS

15h30: “Curta um Som 1″
Brasil, 2007/2012/2013. Vários diretores. 56 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
Serão exibidos curtas como “Batalha – A Guerra do Vinil”, de Rafael Terpins, e “Crisálida”, de Thiago Brito e Rafael Saar.

17h30: “Jards”
Brasil, 2012. Direção: Eryk Rocha. 93 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
O filme revela o processo criativo do músico brasileiro Jards Macalé, por meio da gravação de um álbum, feito em comemoração dos seus 70 anos.

20h: “A Batalha do Passinho”
Brasil, 2013. Direção: Emílio Domingos. 72 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
O filme mostra a febre na internet a partir do vídeo “Passinho Foda”, uma nova forma de dançar funk. O filme disseca os passos que criaram esse fenômeno.

-

DOMINGO, DIA 5

Cine Olido

15h: “Reincarnated”

17h: “Beats, Rhyme and Life – The Travels of a Tribe Called Quest”

*

Cinemateca Brasileira

18h30: “Don’t Follow me (I’m Lost) – A Film about Bobby Bare Jr.”

20h30: “Glastopia”

*

CineSesc

19h: “Beware of Mr. Baker”
Idem. EUA, 2012. Direção: Jay Bulger. 91 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
Ginger Baker é considerado um dos deuses da bateria. Formou, em 1966, a banda Cream, com Eric Clapton. Aposentado, Baker revela neste filme que a única coisa que não abandonou foi seu eterno mau humor.

21h: “Who Took the Bomp? Le Tigre on Tour”
Idem. EUA, 2010. Direção: Kerthy Fix. 67 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
O documentário foi realizado em 2004, durante a turnê do álbum “This Island”, da banda feminista de electro-punk Le Tigre.

*

Matilha Cultural

17h: “Don’t Follow me (I’m Lost) – A Film about Bobby Bare Jr.”

19h: “The Swell Season”
EUA/República Tcheca/Irlanda, 2011. Direção: Nick August-Perna, Chris Dapkins e Carlo Mirabella-Davis. 91 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
Com o filme “Once”, foi revelada a história entre o irlandês Glen Hansard e a pianista tcheca Markéta Irglová. Eles formam um duo, o Swell Season. O filme acompanha o dia a dia dos dois na estrada.

21h: “El Medico – The Cubaton Story”
Idem. Cuba/Suécia, 2011. Direção: Daniel Fridell. 83 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
A história do médico cubano Raynier Griñán, cujo sonho é ser um astro do reggaeton. Influenciado pelo cantor Michel Miglis, ele grava uma música e seu clipe chega ao topo das paradas europeias.

*

MIS

15h30: “Curta um Som 2″
Brasil, 2012. Vários diretores. 57 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
Integram a sessão curtas como “Boi Fantasma”, de Rogério Nunes e José Silveira, e “Eu Sou o Coração do Carnaval”, de Gabriel de Paulo, Jairo Neto, Marcel Rocha e Ricardo Devecz.

17h30: “Música Serve pra Isso – Uma História dos Mulheres Negras”
Brasil, 2013. Direção: Bel Bechara e Sandro Serpa. 92 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
Na metade da década de 1980, a cidade de São Paulo foi tomada pela banda Os Mulheres Negras. A dupla, formada por André Abujamra e Maurício Pereira, conheceu-se em um curso de percussão.

20h: “Um Filme para Dirceu”
Brasil, 2012. Direção: Ana Johann. 80 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
Este documentário nos apresenta Dirceu Cieslinski, um gaiteiro de origem humilde. Um músico que teve de superar uma doença que tirou parte de sua mobilidade aos 17 anos.

-

SEGUNDA, DIA 6

CineSesc
19h: “From the Steppes to the City”

21h: “Antony and the Johnsons – Turning”
Dinamarca/EUA, 2012. Direção: Charles Atlas. 79 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
Em 2006, a banda Antony and the Johnsons se junta com a lenda da videoarte Charles Atlas e com 13 transexuais para a criação do show “Turning”. A construção dessa experiência é revelada neste documentário.

-

TERÇA, DIA 7

Cine Olido

15h: “Curta um Som 2″

17h: “Batalha do Passinho”

19h: “Jards”

*

CineSesc

19h: “The Swell Season”

21h: “Grandma Lo-Fi – The Basement Tapes of Sigridur Níelsdóttir”
Idem. Islândia, 2011. Direção: Kristjánsdóttir, Orri Jonsson e Ingibjörg Birgisdóttir. 62 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
Aos 70 anos, a islandesa Sigrídur Níelsdóttir decidiu tocar piano e passou a gravar CDs.

*

Matilha Cultural

19h: “Antony and the Johnsons – Turning”

21h: “I’m Not a Rock Star”
Idem. Canadá/EUA/Rússia/Coreia do Sul/Suíça/Reino Unido, 2012. Direção: Bobbi Jo Krals. 85 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
Marika Bournaki decide acabar com as pressões que o piano colocou em sua vida.

*

MIS

17h30: “Renato Borghetti Quarteto – Europa
Brasil, 2011. Direção: Rene Goya Filho. 100 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
O documentário acompanha o músico Renato Borghetti em uma turnê pela Europa.

-

QUARTA, DIA 8

Cine Olido

15h: “Curta um Som 1″

17h: “Um Filme para Dirceu”

19h: “Música Serve pra Isso – Uma História dos Mulheres Negras”

*

CineSesc

19h: “Sing Your Song”

21h: “Searching for Sugar Man”

*

Matilha Cultural

19h: “Zuloak”
Idem. Espanha, 2012. Direção: Fermín Muguruza. 99 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
A artista basca Arrate Rodríguez montou a Zuloak, uma banda formada por mulheres.

21h: “Get What You Want”
Idem. Espanha, 2012. Direção: Josep Maria Salat e Roger Estrada. 70 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
O documentário conta a história do primeiro festival de documentários musicais do mundo, o In-Edit.

*

MIS

17h30: “I’m Not a Rock Star”

20h: “Neil Young Journeys”

-

QUINTA, DIA 9

Cine Olido

15h: “El Medico – The Cubaton Story”

17h: “Who Took the Bomp? Le Tigre on Tour”

19h: “Punk in Africa”
Idem. África do Sul/República Tcheca/Zimbábue/Moçambique, 2011. Direção: Keith Jones e Deon Maas. 82 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
A história do movimento punk na África, terra em que o decálogo punk ganha um significado ainda mais potente e visceral.

*

CineSesc

19h: “Gozaran – Time Passing”

21h: “Art Blakey – The Jazz Messenger”
Idem. EUA, 1987. Direção: Dick Fontaine. 85 min. Não recomendado para menores de 12 anos.
Retrato do grande baterista Art Blakey. Também serão exibidos “Dick Fontaine 2 Betty Carter – New All the Time” e “Who’s Crazy”.

*

Matilha Cultural

19h: “A Film about Kids and Music – Sant Andreu Jazz Band”

21h: “Mission to Lars”

*

MIS

17h30: “Sunset Strip”

20h: “Grandma Lo-Fi – The Basement Tapes of Sigridur Níelsdóttir”

-

ENDEREÇOS:

Cine Olido – av. São João, 473, República, tel. 3331-7703. Ingr.: R$ 1.

Cinemateca Brasileira – lgo. Sen. Raul Cardoso, 207, Vila Clementino, tel. 3512-6111, r. 215. Ingr.: R$ 8.

CineSesc – r. Augusta, 2.075, Cerqueira César, tel. 3087-0500. Ingr.: R$ 2 a R$ 8.

Matilha Cultural – r. Rêgo Freitas, 542, República, tel. 3256-2636. Grátis.

MIS – av. Europa, 158, Jardim Europa, tel. 2117-4777. Grátis.

Loading...
Related Video
 

About the author

More posts by carol

 

0 Comments

You can be the first one to leave a comment.

Leave a Comment