Após protestos, EMTU reduz tarifas de ônibus a partir desta segunda

Após várias manifestações contra o valor das tarifas de ônibus em São Paulo, a Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU) decidiu reduzir o preço das passagens a partir desta segunda-feira (1º).

A média de redução do transporte foi de R$ 0,15 na Grande São Paulo e na Baixada Santista. Ao todo, a determinação envolve 23 empresas metropolitanas e cinco do litoral.

Os preços das passagens da EMTU variam de acordo com o itinerário da linha. Antes da mudança, a menor tarifa era de R$ 2,50 (Diadema – Pq. Reid-São Paulo – Metrô São Judas), enquanto a mais cara custava R$ 38 (entre os aeroportos de Cumbica, em Guarulhos, e de Congonhas, na Zona Sul da capital.

Para saber mais sobre a redução de cada linha, veja o site da EMTU.

Metrô, CPTM e ônibus
As tarifas dos ônibus municipais, do Metrô e da CPTM voltaram a custar R$ 3,00 há uma semana, após a série de manifestações ocorridas na capital paulista contra o aumento das passagens. O anúncio da revogação do aumento foi feito pelo prefeito da capital, Fernando Haddad (PT), e pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB) em 19 de junho e começou a valer no dia 24.

Haddad afirmou que a redução de R$ 0,20 no valor das passagens vai trazer consequências para a cidade, o que vai exigir que o orçamento municipal seja repensado.  Alckmin também reforçou os investimentos no estado ficarão comprometidos. “Um sacrifício grande, nós vamos ter que cortar investimentos porque as empresas não suportam, não têm como arcar com essa diferença”, disse o governador.

Loading...
Related Video
 

About the author

More posts by carol

 

0 Comments

You can be the first one to leave a comment.

Leave a Comment