Após mortes, dois ônibus são incendiados na Grande São Paulo

Dois ônibus foram incendiados na noite desta quinta-feira em Carapicuíba e em Osasco, na Grande São Paulo, após ataquesa tiros registrados na noite de quarta nas duas cidades.

Os ataques deixaram quatro pessoas mortas e outras sete feridas. A polícia não identificou nenhum suspeito de ter cometido os crimes.

Segundo o Corpo de Bombeiros, o primeiro ônibus foi incendiado por volta das 19h15, na avenida José Barbosa de Siqueira, no bairro Padroeira, em Osasco. Às 19h40, as chamas já haviam sido controladas, mas o veículo já estava destruído.

O segundo ataque ocorreu por volta das 21h20 na rua Júpiter, Área Rural Carapicuíba. A polícia não soube informar detalhes das ações, mas disse que vai relacionar as investigações dos incêndios aos ataques na região.

CRIMES

Na noite de quarta, quatro pessoas foram baleadas em um ataque em Osasco. Diego Denílson Câmara de Lira, 18, não resistiu aos ferimentos e morreu. Segundo a PM, as vítimas disseram que estavam em um bar quando foram abordadas por dois suspeitos num Vectra prata, que dispararam contra eles e fugiram.

Ainda de acordo com a polícia, Diego era procurado por tráfico de drogas. A ocorrência foi registrada às 23h15.

A cerca de 10 km, após um intervalo de cerca de dez minutos, outro crime foi registrado em Carapicuíba, também na Grande São Paulo. Sete pessoas foram atingidas por tiros que teriam partido também de um carro prata, de acordo com o depoimento de testemunhas.

Cinco delas estavam em frente a um bar. Uma pessoa morreu no local e outra a caminho do hospital. Outras três ficaram feridas e foram levadas a prontos-socorros da região. Nos dois casos, pelo menos quatro pessoas morreram e sete ficaram feridas.

A um quilômetro dali, outras duas pessoas foram baleadas, uma delas morreu. A Polícia Civil investiga a relação entre os ataques.

Loading...
Related Video
 

About the author

More posts by carol

 

0 Comments

You can be the first one to leave a comment.

Leave a Comment