59 mi de unidades do iPhone 5 serão fabricadas neste ano

Depois comer poeira atrás da Samsung no mercado de smartphones no segundo trimestre, a Apple prepara artilharia pesada contra a rival. Uma estimativa do banco J. P. Morgan indica que a empresa da maçã encomendou 59 milhões de unidades do iPhone 5 para entrega neste ano. O novo iPhone deve ser anunciado em 12 de setembro e as entregas devem começar na semana seguinte.

59 milhões é um volume enorme, que mostra que a Apple quer levar o iPhone 5 rapidamente a muitos países. Assim, é quase certo que o novo smartphone chegue ao mercado brasileiro ainda neste ano. Isso não seria surpresa já que o iPhone 4S, anunciado em outubro de 2011, começou a ser vendido no país em dezembro daquele ano.

Mark Moskowitz, analista de mercado do J. P. Morgan, disse ao noticiário americano Cnet que a produção do iPhone 5 deve somar 20 milhões de unidades neste trimestre e mais 39 milhões nos últimos três meses do ano. No quarto trimestre, a Apple deve vender quase 40 milhões de smartphones, sendo que entre 50% e 60% deles serão iPhone 5.

Esse seria um crescimento considerável em comparação com o segundo trimestre, quando a Apple vendeu apenas 26 milhões de smartphones, contra 52 milhões da rival Samsung. Por enquanto, muitos fãs da maçã estão aguardando a chegada do iPhone 5 para trocar de smartphone, o que derruba as vendas do iPhone 4S.

A aposta da Apple, então, é que se ela for capaz de abastecer as lojas em abundância, as vendas do iPhone 5 vão explodir. Naturalmente, a Samsung também deve vender mais no último trimestre do ano, que é sempre o mais forte para o comércio. Mesmo assim, é provável que a distância entre a campeã e a segunda colocada no ranking diminua.

Pelo que sabemos até agora, o iPhone 5 terá tela de 4 polegadas em formato mais alongado (16:9) que a do iPhone 4S. Ele vai usar um novo conector de dados, menor que o atual

A Apple, assim, começa a abandonar o conector de 30 pinos que ela usa há nove anos em seus dispositivos móveis. O cartão da operadora será menor, no novo formato nano-SIM. Já a tomada para fone de ouvido e microfone deve mudar para a parte inferior do smartphone.

O iPhone 5 também deve trazer suporte a redes celulares 4G LTE e conexão sem fio NFC – dois itens já presentes em concorrentes como o Galaxy S III, da Samsung. O que não se sabe, ainda, é como o novo smartphone da Apple vai se chamar. Embora muita gente se refira ao aparelho como iPhone 5, não há nenhum indício concreto de que seja esse o nome real.

O iPad mini vai demorar – Mark Moskowitz também disse à Cnet que não espera que o iPad mini seja anunciado junto com o iPhone 5, como dizem alguns rumores. Para ele, a apresentação desse novo modelo do iPad deve acontecer algumas semanas depois.

Essa estimativa bate com uma informação da empresa NPD DisplaySearch (também divulgada pela Cnet). A NPD diz que a produção da tela de 7,85 polegadas para o iPad mini está começando neste mês, tarde demais para um lançamento em setembro. Mas o novo tablet pode chegar no final de outubro ou no início de novembro.

Ainda há dúvidas sobre a possível apresentação de novos modelos do iPod nano e do iPod touch junto com o iPhone 5. E o rumor de que a Apple prepara também um versão com tela Retina do MacBook Pro de 13 polegadas permanece no ar, sem nenhuma confirmação mais sólida.

Loading...
Related Video
 

About the author

More posts by carol

 

0 Comments

You can be the first one to leave a comment.

Leave a Comment